dor

Tratamento da dor aumenta bem-estar e expectativa de vida do animal

Você sabia que o bem-estar aumenta a expectativa de vida do animal? Isso porque fatores que desequilibram o organismo do pet, como a dor, podem trazer complicações. Exemplos disso são a diminuição de imunidade do animal e estresse.

Segundo a professora e doutora Nadia Crosignani, que é palestrante convidada da Pós-Graduação em Anestesiologia Veterinária no Instituto Qualittas, a dor vai interferir em muitas funções. “A gente precisa saber diagnosticar e tratar a dor para dar bem-estar aos nossos pacientes.”

São várias escalas de dor, segundo Nadia, e o tutor deve observar o comportamento do cão ou gato. Fique atento, por exemplo, se o animal não quer mais sair ou brincar. Fármacos ou tratamentos como acupuntura e fisioterapia podem ser utilizados.

Já em pacientes com dor crônica, o proprietário pode ajudar a dar mais conforto ao animal.  São medidas simples, como observar se o potinho de água está na altura adequada para o animal beber sem se curvar, por exemplo. Também fique atento ao local onde o bichinho dorme, se há rampas para facilitar a locomoção, entre outros.

Com pequenos cuidados, a qualidade de vida do pet pode melhorar. Saiba mais com a professora e doutora Nadia Crosignani:

fonte: Blog Qualittas

Published on: 1 novembro
Posted by: