patinha  FISIOTERAPIA

A fitoterapia chinesa utiliza substâncias vegetais, minerais e animas. Atualmente, as substâncias de origem animal têm sido revistas, a fim de se evitar o uso de espécies vulneráveis à extinção.

A associação da fitoterapia à acupuntura é considerada indispensável no tratamento de animais fracos e idosos, pois desta forma é possível repor o baixo nível de energia (Qi), comum em animais nessa situação.

A fisioterapia foi inserida há pouco tempo no tratamento animal, com o objetivo de promover a reeducação funcional, isto é, fazer o corpo do animal exercer suas funções motoras com naturalidade, sem nenhum sintoma de anormalidade.

Esta reeducação é realizada com a associação de várias modalidades fisioterápicas, como a eletroterapia, eletromagnetoterapia, laser, cinesioterapia e outras técnicas adaptadas como Maytland, Kabat, osteopatia e quiropraxia.

Principais indicações

  • Consolidação viciosa de fraturas
  • Displasias coxo-femural e do cotovelo
  • Espondilites anquilosantes
  • Hérnias discais
  • Luxações congênitas e adquiridas
  • Neuropatias periféricas
  • Osteoartrose
  • Osteocondrose
  • Paresias, paralisias e paraplegias
  • Pós-operatório neurocirúrgico
  • Pós-operatório ortopédico
  • Ruptura de ligamentos

Dr. Max Freire